Questo sito usa cookie per fornirti un'esperienza migliore. Proseguendo la navigazione accetti l'utilizzo dei cookie da parte nostra OK

O Cônsul-Geral recebe visita de escritor e pesquisador caxiense da obra de Aldo Locatelli

Data:

08/03/2019


O Cônsul-Geral recebe visita de escritor e pesquisador caxiense da obra de Aldo Locatelli

O escritor e pesquisador caxiense Prof. Dr. Luiz Ernesto Brambatti esteve em visita ao Consulado Geral da Itália em Porto Alegre no último dia 06 de março, ocasião em que foi recebido pelo Consul Geral, Roberto Bortot, que recebeu de suas mãos a obra Locatelli no Brasil, produzida por ele.

Aldo Locatelli, pintor italiano nascido em Vila D´Almé, província de Bergamo, em 18 de agosto de 1915, vem para o Brasil em novembro de 1948, a convite do então bispo de Pelotas, Dom Antonio Zattera, para pintar a Catedral de Pelotas.  É o expoente máximo da pintura mural no Rio Grande do Sul. Faleceu em 3 de setembro de 1962, vitima de câncer de pulmão, depois de deixar uma vasta obra artística na Itália, no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo.

O livro- catálogo apresenta 598 fotografias das obras do pintor, em 200 páginas coloridas, com comentários em português e italiano, o que torna a leitura ainda mais atraente, além das formas e  cores das magníficas pinturas.

Brambatti procura apresentar as pinturas murais e quadros de Locatelli na sua forma completa e não apenas detalhes, o que enriquece ainda mais a publicação, tornando-a didática, destinando-se aos amantes e estudiosos da Arte e admiradores da obra de Aldo Locatelli. “Algumas são obras inéditas, que nunca foram publicadas no Brasil”, afirma Brambatti, que pesquisou durante 3 anos sobre a vida e obra de Aldo Locatelli no Brasil e na Itália, iniciando por Pelotas, o mural do Aeroporto Salgado Filho e as pinturas da Escola de Belas Artes de Pelotas, hoje no Museu de Arte Leopoldo Gotuzzo-MALG. Na seqüência,  destaca os trabalhos em Porto Alegre, no Instituto de Artes da UFRGS, no Palácio Piratini, na Igreja Santa Terezinha e outras pinturas na capital. Em seguida, apresenta os trabalhos nas outras cidades, como Novo Hamburgo, Santa Maria, Itajaí, em parceria com Emilio Sessa, também italiano. O livro contém ainda algumas entrevistas com ex-alunos e pessoas que conviveram com Locatelli.

Para maiores informações sobre a obra de Aldo Locatelli, clique aqui.

 


268